Imerso na arte e em reflexões, Bernardo do Espinhaço lança novo álbum na pandemia

Impulsionado por quase 300 pessoas que o transformaram no maior financiamento coletivo da história do montanhismo no Brasil, Bernardo do Espinhaço, conhecido também como o cantor dos montanhistas, dos trilheiros e dos viajantes, o artista lança seu novo álbum, “O InVerno de Árvorin”, de uma forma inusitada. Ao todo, o disco conta com  4 singles, 1 por semana, cada qual com um clipe, e um curta metragem.

 

No primeiro, lançado propositadamente no solstício de inverno, 21 de junho, a canção ”Árvorin”, serve de palco para uma história espetacular de transformação. O clipe com 7 atores traz um final bastante inesperado. Já “Viajar”, a mais pop, reúne gente que vive viajando em vans, kombis ou caminhões adaptados. São imagens de 11 perfis de brasileiros que moram em motorhomes, entre eles os populares GetOutside BR, Road Trippers e o Montanha para Todos. A Terceira, “Cai”, de tom romântico, teve vídeo filmado em belo cenário da Serra da Mantiqueira e por fim, “Pra Paz Caber” é uma animação com destaque para as figuras de linguagem da letra.

 

Nas demais canções o universo da montanha segue onipresente. Destaque para “Mister Bean e os Sinos de Aldebaran”, em homenagem ao escalador mineiro morto na Patagônia em 2019, e “Fogo, Fogueira e Balão”‘ de teor político pela preservação das montanhas brasileiras.

 

Antes de tudo, logo no início do mês, Bernardo publica o curta metragem “Sucuruiu: o Misterioso Gigante do Semiárido”. Trata-se de um minidocumentário sobre a conquista de uma montanha no norte de Minas, divisa com a Bahia, com trilha original oriunda do álbum. A emocionante saga das 3 expedições até o êxito é permeada pela experiência de um nativo da região. Bernardo é um dos mais experientes montanhistas de atividade exploratória no país.
Voltando a “O InVerno de Árvorin” temos a curiosidade de que todos os músicos que participam são, assim como Bernardo, montanhistas ou escaladores. Ele mesmo considera esse seu disco “mais montanha”, fato que confere ainda mais exotismo para esse novo trabalho do cantautor.

Mais do É Pop

Nenhum resultado encontrado.




Nenhum resultado encontrado.

Menu