Alan Rickman, o Snape de “Harry Potter”, morre aos 69 anos

O ator britânico Alsnape-496456_w1020h450c1cx532cy244an Rickman, mais conhecido por ter vivido o professor Snape na saga “Harry Potter”, morreu em Londres, aos 69 anos. O ator tinha câncer e a morte foi confirmada pela família nesta quinta-feira (14), segundo  o portal UOL.

Apesar de toda a fama como o professor que tem uma relação difícil com o menino Potter, Rickman já havia feito outros papeis importantes nas telonas, como o papel do vilão Hans Gruber, em “Duro de Matar’, em 1988, em seu primeiro papel em Hollywood.

Gruber foi o primeiro de três vilões memoráveis do cinema. Ele também foi o xerife de “Robin Hood”, em 1991, e o terrível Grigori Rasputin no filme para televisão de 1996.

Não só com papeis de vilões o ator teve destaque. Ele também fez sucesso no papel de Harry em “Simplesmente Amor”, que vivia um casamento em crise com Emma Thompson. O ator também chegou a afirmar que não interpretava vilões, apenas pessoas “muito interessantes” e não gostava de ser associado a apenas esse tipo de papel. Também vez o anjo Metraton, a voz de Deus, em “Dogma” e Ronald Reagan em “O Mordomo da Casa Branca”.

De acordo com o UOL, seus últimos trabalhos no cinema foram o suspense de guerra “Eye in the Sky” (2015) e “Alice Através do Espelho”, os dois com previsão de estreia para este ano.

Rickman se envolveu com teatro pela primeira vez ainda na escola, em Londres, mas acabou cursando faculdade de design. Após três anos de trabalho na área, pediu uma audição da Royal Academy of Dramatic Art e conseguiu uma vaga na renomada instituição.

 

Matéria anterior
LUTO: Morre o humorista Shaolin
Próxima matéria
Confinamento de três brothers do “BBB16” no hotel será transmitido online

Mais do É Pop

Menu