Alice Caymmi lança “Alice”, seu terceiro disco

A cantora e compositora Alice Caymmi lança seu terceiro disco, “Alice”, com produção da também cantora e compositora Bárbara Ohana. O novo álbum, lançado pela Universal Music, expõe cores mais cruas e despidas de camadas da artista carioca. Com nove faixas e muitas parceiras inéditas com nomes como Ana Carolina, Pablo Vittar e Rincon Sapiência, “Alice” é considerado o trabalho mais autoral da artista.

A faixa “Spiritual”, que inaugura a jornada sonora do trabalho é fruto de uma improvisação de estúdio. Com coros que remetem ao gênero gospel norte-americano, a música fala sobre a repressão e opressão da mulher, reforçando o momento atual e globalizado de libertação feminina.  Já “A Estação”, segunda música do álbum é uma composição de Carlos Rufino “Baiano”, também autor de “Verdade (Descobri que te Amo Demais)”, que fez sucesso na voz do Zeca Pagodinho. Com uma base R&B, a música que tem um coral que mostra ao público toda força da herança musical de Alice.

A versão de “What’s My Name?”, do maestro e multi-instrumentista Moacyr Santos, destila a perda da inocência diante de decepções. Já “Vin”, canção composta por Alice Caymmi, Barba Ohana e Pablo Bispo, expressa o bem estar de viver momentos ao lado de amigos, acentuando a sensação de ser livre. O rapper Rincon Sapiência assina em parceria com Alice “Inimigos”, uma faixa sobre superação com frases e rimas que exaltam sentimentos de coletividade e parceria, como “O que eu menos quero é ter inimigos”.

A surpreendente e inédita parceria musical de Alice com Ana Carolina “Inocente” foi o primeiro single lançado deste álbum, ainda em 2017. Um R&B daqueles que vem com posologia indicada: ouça no repeat até sanar todas as dores deste amor. A sétima faixa do disco, “Agora”, é uma versão da canção original do compositor italiano Chistiano Malgioglio. A música que em 1978 foi interpretada pela cantora Mina, também da Itália, ganhou de Alice, Barbara e João Paulo Cuenca uma tradução crua e altamente sensível composta apenas de piano e voz.

alice_capa_em_baixa

Outra parceria, a penúltima canção do disco contextualiza o momento em que o disco foi gravado. Criada pelos compositores Rodrigo Gorky, Pablo Bispo e Arthur Marques, “Sozinha” fortalece o poder de estarmos sós e tudo o que isso possibilita e implica. Para finalizar, “Eu Te Avisei”, duo com Pablo Vittar, é uma musica que fala de amor de um jeito introspectivo. Melancólica e dançante, a canção é como uma prova de superação amorosa.

O álbum estará disponível nas principais plataformas digitais em 19/01.

TRACKLIST  ORDEM OFICIAL

1- Intro / Spiritual

2- A Estação

3- What’s My Name

4- Vin

5- Inimigos feat. Rincon Sapiência

6- Inocente

7- Agora

8- Sozinha

9- Eu te avisei feat. Pabllo Vittar

 

Redes Sociais:

Facebook: https://www.facebook.com/AliceCaymmi

Instagram: https://www.instagram.com/alicecaymmi

Twitter: https://twitter.com/alicecaymmi

Youtube: https://www.youtube.com/user/AliceCaymmi

Vevo: https://www.youtube.com/user/AliceCaymmiVEVO

Spotify: https://open.spotify.com/artist/3ExGkIKgqWpIr2hr0nepRp

Deezer: http://www.deezer.com/br/artist/3720711

Matéria anterior
Adam Fares lança “Querem Te Controlar”, segundo single do álbum Sonhos & Desilusões
Próxima matéria
Enrique Iglesias estreia em #1 em todo o mundo com novo single “El Baño”, com participação de Bad Bunny

Mais do É Pop

Menu