Willian Novinho deixou o futebol para ser fenômeno no funk

r7Suas músicas já embalaram gols de times famosos além de garantir espaço de programas em rede nacional como Xuxa, Astros, entre outros. Conheça o fenômeno do funk, Willian Novinho, o carioca que largou o futebol para ser Mc da Furacão 2000.
Willian Batista da Silva, mais conhecido como Willian Novinho, nasceu dia 14 de fevereiro de 1989 no Rio de Janeiro. O carioca foi criado no complexo da Maré e chegou a ser um dos moradores da invasão da fábrica de leite CCPL, uma polêmica na época. Hoje é morador de Ramos, também na zona norte. Willian Novinho sempre gostou de funk, mas era craque no futebol, sonho que acabou largando para seguir no mundo da música. Cidinho e Doca, Claudinho e Buchecha e Mr. Catra chamavam atenção do morador da comunidade que começou a gostar da batida do funk depois de escutar o som dessa galera, mas o garoto era fã mesmo do Bonde dos Magrinhos. Sucesso na época.
Quando pequeno não parava de ouvir os CD’s da Furacão 2000, naquela época em que surgiram os famosos “bondes” que lotavam os bailes da cidade. Quem não lembra do sucesso do Bonde do Tigrão, Bonde do Vinho, dos Carrascos e do Bonde dos Magrinhos? Eram febre em todo Brasil. Arrastavam multidões por onde passavam. Foi assim que o garoto se interessou, na sua adolescência, a frequentar o baile funk.
Logo no primeiro baile Willian se deparou com o show do Bonde dos Magrinhos, seus ídolos. Em meio a altos passinhos e ao som envolvente do grupo, o carioca começou a pensar em montar o seu próprio bonde. O garoto mal sabia, mas aquele show iria marcar o começo de um sonho. Foi assim que resolveu no outro dia chamar seus amigos e primos e criar o grupo “Os Novinhos”. Mas não foi nada fácil. Willian chegou a vender sorvete, para gravar suas músicas. O rapaz, com o dinheiro do sorvete, juntou e gravou sua primeira música.
Em 2008, sua primeira música de trabalho “A Filha da Lúcia Trabalha de Graça” estourou nas favelas do Rio e ganhou espaço nas rádios da cidade. A composição da letra foi de Willian e seu primo Naiba. Entrevistas, shows e eventos especiais do funk tinham sempre o nome dos Novinhos para animar a galera.
O ano de 2011 marcou a carreira do rapaz que continuava a fazer sucesso, desta vez por todo Brasil com Os Novinhos. Foi assim que fecharam contrato com a maior gravadora de funk do país, a Furacão 2000, onde estouraram na TV, rádio e participaram de vários DVD’S da gravadora. Suas músicas de sucesso foram “Tá Mil Grau”, “A Favela Tá Igual a Zona Sul”, “Vai Muleke”, “Faz o Movimento”, “Só no Ombrinho”, entre outras. Foi assim que o grupo, que tinha Willian Novinho como vocalista começou a ter suas músicas entre as faixas dos DVD’s Furacão 2000 Armagedon II, III, Infinity Power e Funk de Verdade.
Além de músicas estouradas na rádio FM O Dia, a maior rádio do Rio, Novinho foi convidado para vários programas na TV como: Xuxa (Rede Globo), Astros (SBT), Pânico (BAND) e Sábado Total (REDE TV).
Agora em carreira solo o Mc já começou com o pé direito. Sua música “Moreno Bom” já está entre as mais tocadas nas rádios cariocas e tem clipe previsto para lançamento ainda este ano.

Matéria anterior
EXCLUSIVO! Mc Brunninha grava vídeo antes de ir para A Fazenda
Próxima matéria
Projeto Alquimistas lança música “O Homem Só”

Mais do É Pop

Menu