Curiosidades e influências do cantor Pedro Batistélla

O É POP NA WEB bateu um papo com Pedro Batistélla e acabou descobrindo várias curiosidades da vida profissional e pessoal do cantor. Sobre seu álbum “Lúcido” que será lançado agora em 21 de abril nas plataformas digitais e lojas físicas pela Tratore, o cantor contou que espera que as pessoas consigam se identificar com o som e que as músicas toquem o coração de quem ouví-las. Pedro Batistélla intitula seu som como um pop orquestral, que não deixa de ser MPB. Com influências variadas que passam do Pop ao Folk em seu trabalho o cantor paulista de 25 anos já está com uma agenda movimentada e dividida entre programas de TV, entrevistas, ensaios e shows.

IMG_3505Saiba mais sobre Pedro Batistélla:

Pedro Batistélla sempre teve influência musical em sua vida, na sua infância seu avô tocava piano muito bem, o que encantou Pedro, e seu pai gravava fitas k7 para animar a viagem de carro com o som de Simple Red, Steve Wonder entre outros mestres.

Todas as músicas do álbum “Lúcido” são composições do cantor.

Um dos maiores carnavais de Pedro Batistélla foi no Rio de janeiro onde curtiu com seus amigos os blocos de rua e festas cariocas.

Pedro concluiu a faculdade de Publicidade, mas se indentifica mesmo com a música.

Nascido em Bebedouro-SP, o cantor morou em Santa Catarina e nos Estados Unidos.

O álbum “Lúcido” foi mixado no mesmo estúdio usado por Michael Jackson na gravação de “Thriller”.

Aos 17 anos Pedro Batistélla gravava pequenos EPS com seus amigos, que faziam parte de várias bandas e se encontravam para tirar um som e cantar músicas do Jota Quest, Rihanna e Ana Carolina.

IMG_3528

 

Matéria anterior
Henrique e Juliano, Marilia Mendonça, Maiara e Maraisa e Zé Neto e Cristiano se apresentam na Europa
Próxima matéria
Thiago Arancam grava música com participação especial de Paula Fernandes na Itália

Mais do É Pop

Menu